Ensino de documentário em aulas de campo

João de Lima Gomes, Hélder Paulo Cordeiro da Nóbrega

Resumo


Este artigo discute duas experiências de aulas de campo, compreendidas
como uma metodologia eficaz para o ensino do documentário; uma no contexto da graduação e a outra na pós-graduação. Através da aproximação cinema e memória de personagens e fisiografias diversas, verifica-se a importância dessa práxis para aaprendizagem do cinema documentário a partir dos contextos socioculturais dos quais emergem.


Palavras-chave


Aruanda; aula de campo; Eduardo Coutinho; Elizabeth Teixeira; ensino do documentário; Linduarte Noronha

Texto Completo:

PDF

Referências


Agamben, G. (2009). O que é o Contemporâneo? e outros ensaios. Chapecó: Argos.

Albuquerque Júnior, D. (2011). A invenção do Nordeste e outras artes. São Paulo: Cortez.

Amorim, L. & Falcone, F. (2013). Cinema e memória: o super-8 na Paraíba nos anos 1970 e 1980. João Pessoa: Editora da UFPB.

Araujo, J. & Marie, M. (2016). Varan: um mundo visível. Belo Horizonte: Balafon.

Archer, M. (2008). Arte Contemporânea: uma história concisa. São Paulo: Martins Fontes.

Ayala, M.&Duarte, E. (1997). Múltiplo Mário: Ensaios. João Pessoa: Editora universitária UFPB.

Benjamin,W. (1994). Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. São Paulo: Brasiliense.

Bernardet, J. (2003). Cineasta e imagens do povo. São Paulo: Companhia das Letras.

Braga, J.; Miège, B. & Rodrigues, A. (1985). Textos de cultura e comunicação. Salvador: Departamento e Programa de Pós-Graduação da UFBA.

Brandão, C. (1981). Pesquisa participante. São Paulo: Editora Brasiliense.

Coutinho, E. (1984). Sinopse de Cabra marcado para morrer. Brasil: Cinemateca brasileira. Disponível em: http://bases.cinemateca.gov.br/cgi-bin

/wxis.exe/iah/?sisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA〈=p&

nextAction=lnk&exprSearch=ID=025150&format=detailed.pft. Acesso 02 jan. 2020.

Duran, M. (2000). A fotografia em campo. Revista Palmares, (5): 200-210. Brasília.

Gomes, J. (2014). Terra distante. João Pessoa: Editora da UFPB.

Halbwachs, M. (1990). A memória coletiva. São Paulo: Edições Vértice/Editora Revista dos Tribunais Ltda.

Nichols, B. (2011). Introdução ao documentário. Campinas, SP: Papirus.

Pereira, R. (2019). Cultura disciplinar e epistemes: representações na escrita acadêmica. João Pessoa: Ideia.

Salles, C. (2008). Crítica Genética: Fundamento dos estudos genéticos sobre o processo de criação artística. São Paulo: Educ, Editora da PUC de São Paulo.

Projeto pedagógico do curso de cinema e audiovisual da UFPB. (2011). João Pessoa: UFPB.

Zamboni, S. (2006). A pesquisa em arte: um paralelo entre arte e ciência. Campinas: Autores Associados.

Aruanda (1960), de Linduarte Noronha. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=9uATt–ua0Y, acesso em 02 jan. 2020.

A Feira (1966), de Machado Bittencourt. Fonte: acervo videográfico do NUDOC-UFPB.

Cabra marcado para morrer (1964-1984), de Eduardo Coutinho. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=HGSRLIs8BGw, acesso em 02 jan. 2020.

Chico Antonio, o herói com caráter (1982), de Eduardo Escorel. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=-Evo1q9OY8U, acesso em 02 jan. 2020.

Cinema Inacabado (1981), de Alex Santos e Machado Bittencourt. Fonte: acervo videográfico do NUDOC-UFPB.

Contraponto sem música (1966), de Paulo Melo. Fonte: acervo videográfico do NUDOC-UFPB.

Festa do Rosário em Pombal (1976), de Jurandy Moura. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=WNhjXCXOoCg, acesso em 02 jan. 2020.

Menino de Engenho (1965), deWalter Lima Jr. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=QY1q97gW_lM, acesso em 02 jan. 2020.

O Cajueiro Nordestino (1962), de Linduarte Noronha. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=LOe6w4NfD0A, acesso em 02 jan. 2020.

O país de São Saruê (1979), de Vladimir Carvalho. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=yBYHhBhr15U, acesso em 02 jan. 2020.

Os Romeiros da Guia (1962), de Vladimir Carvalho e João Ramiro Melo. Disponível em: www.youtube.com/watch?v=wQrmVKPlZAA, acesso em 02 jan. 2020.


Apontadores

  • Não há apontadores.


 
Este trabalho está licenciado com uma Licença  Licença Creative Commons
 

 
Sites de interesse | Sitios de interés | Sites d'intérêt | Sites of interest: