Previdência: de onde viemos, para onde vamos. A produção de documentários pelo poder público e a prevalência da narrativa voltada ao binômio problema/solução

André Luis Pereira Oliveira

Resumo


A presente dissertação tem por objetivo verificar a prevalência da narrativa
baseada no binômio problema/solução na série documental Previdência: de
onde viemos, para onde vamos, produzida pela TV Câmara, em 2017. A base teórica apoia-se na obra da Escola Documentarista Britânica, em particular nos estudos do escocês John Grierson (1966), que via no documentário também a oportunidade para mudar o modo de vida de uma comunidade, posto que o considerava portador de funções sociais e educativas e, ainda, na tipologia proposta por Nichols (2007) para os diferentes tipos de documentário: Poético, Observativo, Participativo, Reflexivo, Performático e Expositivo.


Palavras-chave


documentário; previdência; poder público; análise fílmica; interdisciplinaridade

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


 
Este trabalho está licenciado com uma Licença  Licença Creative Commons
 

 
Sites de interesse | Sitios de interés | Sites d'intérêt | Sites of interest: