O documentário no sistema socioeducativo: ensino como co-criação de saber

Júlio Vitorino Figueroa, Luciana Oliveira

Resumo


Inspirando-se nos enlaces entre cinema e educação, este artigo considera
o saber da experiência de adolescentes socioeducandos no ensino do documentário no Brasil. Esse saber foi e é ensaiado pela esfera intelectual e é viabilizado pela cocriação entre pesquisadores e adolescentes a partir da visionagem de filmes como Da janela do meu quarto (2004), A clave dos pregões (2015) e Filme de rua (2017).


Palavras-chave


saberes; documentário; sistema socioeducativo

Texto Completo:

PDF

Referências


Bergala, A. (2008). A hipótese-cinema: pequeno tratado de transmissão do cinema dentro e fora da escola. Rio de Janeiro: Booklink; CINEAD-LISEFE/UFRJ. Disponível em www.inventarcomadiferenca.org/referencia/a-hi

potese-cinema-pequeno-tratado-de-transmissao-do-cinema-dentro-e-fora-da-escola/. Acesso em 05 out 2017.

Bondía, J. (2002). Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação, (19): 20-28.

Collins, P. (2016). Aprendendo com a outsider within: a significação sociológica do pensamento feminista negro. Revista Sociedade e Estado, 31(1), Janeiro/abril. Brasília.

Foucault, M. (1996). A ordem do discurso. 5a ed, São Paulo: Edições Loyola.

Freire, P. (2014). Educação como prática da liberdade. 36. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Freire, P. (2013). Pedagogia do oprimido. 1a ed. Rio de Janeiro: Paz e terra.

Fresquet, A. M. (2013). Cinema e Educação: reflexões e experiências com professores e estudantes de educação básica, dentro e “fora” da escola. 1 ed. Belo Horizonte: Autêntica.

Mbembe, A. (2018). Necropolítica: biopoder, soberania, estado de exceção, política da morte. São Paulo: N-1 edições.

Migliorin, C. (2015). Inevitavelmente Cinema: educação, política e mafuá. 1 ed. Rio de Janeiro: Beco do Azougue.

Nietzsche, F. (2005). Considerações extemporâneas. In Nietzsche – Vida e obra (pp. 269-300). São Paulo: Editora Nova Cultural Ltda.

Rancière, J. (1996). O desentendimento (trad. Â. Lopes). São Paulo: Editora 34.

Teixeira, I. & Ramos, A. (2010). Os professores e o cinema na companhia de Bergala. Revista Contemporânea de Educação, 5(10), jul/dez.


Apontadores

  • Não há apontadores.


 
Este trabalho está licenciado com uma Licença  Licença Creative Commons
 

 
Sites de interesse | Sitios de interés | Sites d'intérêt | Sites of interest: