Algumas notas à margem do filme Vilarinho das Furnas de António Campos

José da Silva Ribeiro

Resumo


O artigo discute a intertextualidade entre o filme Vilarinho das Furnas (1971), de António Campos e a obra de Jorge Dias, Vilarinho da Furna, uma aldeia comunitária (1948) ou, de uma forma mais geral, a relação entre a antropologia e o cinema ou o etnográfico e as criações artísticas cinematográficas e literárias, mapeando algumas questões que me foram despertando atenção para outras eventuais pesquisas, publicações ou debates. Vilarinho da Furna teria desaparecido do mapa e da memória se um Etnólogo, um Cineasta e um Escritor não criassem um imaginário para além da realidade de uma comunidade apertada entre a dureza agreste da serra e a estreita faixa de terra cultivada numa “das aldeias onde mais perfeito se conserva[va] um sistema de organização comunitário outrora muito espalhado pela Europa e hoje em vias de desaparecimento”.


Palavras-chave


Vilarinho da Furna; organização comunitária; barragem; Jorge Dias; António Campos; Miguel Torga; André Gago.

Texto Completo:

PDF

Referências


AFURNA – Associação dos Antigos Habitantes de Vilarinho da Furna. https://afurna.pt/

Antunes, M. de A. (1985). Vilarinho da Furna: Uma Aldeia Afundada. Lisboa: A Regra do Jogo.

Antunes, M. de A. (1994). Requiem por Vilarinho da Furna: Uma Aldeia Afundada. Lisboa: Biblioteca da Universidade Lusófona.

Antunes, M. de A. (2005). Vilarinho da Furna: Memórias do Passado e do Futuro. Lisboa: Centro de Estudos da População, Ambiente e Desenvolvimento.

Antunes, M. de A. (2014). Requiem por Vilarinho da Furna: Uma Aldeia Afundada, 2ª Ed., Lisboa: Biblioteca da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Disponível em:

https://aqualibri.cimcavado.pt/bitstream/20.500.12940/437/1/MTB-RVF-MAA.pdf

Augé, M. (1997). L'impossible voyage. Le tourisme et ses images, Payot & Rivages, Paris.

Brigard, Emile (1979). Historique du film Ethnographique in Cahiers de L´Homme, pour une anthopologie visuelle.

Brito, M. M. A. (1991). Os anos 40 em Portugal: o país, o regime e as artes: restauração e celebração (2vol), tese de doutoramento, FCSH: DHA.

Clastre, P. (1979). Sociedade Contra o Estado, Porto, Edições Afrontamento.

Dias, J. (1948). Vilarinho da Furna, uma aldeia comunitária, Instituto de Alta Cultura – Centro de Estudos de Etnologia Peninsular, Porto.

Gago, A. (2010). Rio Homem, Porto: ASA.

Heider, K. G. (1976). Ethnographic Film, University of Texas Press.

Lisboa, R. V. (2022). Play-Doc 2022: António Campos, a geometria das relações - https://www.apaladewalsh.com/2022/05/play-doc-2022-antonio-campos-a-geometria-das-relacoes%EF%BF%BC/. Acesso em agosto de 2022.

Madeira, M. J. (org) (2000). António Campos, Lisboa: Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema.

Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna, https://turismo.cm-terrasdebouro.pt/listings/museu - etnografico-de-vilarinho-da-furna/

Salgado, J. (sd) Achegas para a história da Hidro Eléctrica do Cávado, Revista Eletricidade 61 pp 365-373.

Silva, M. C. & Neves, A. L. (2000). Entrevista António Campos. In Maria João Madeira (org.) António Campos, Lisboa: Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema.

Torga, M. (2017). Contos: Pedras Lavradas [1951] - Barragem, D. Quixote.

Torga, M. (1973). Diário XI, Edição Coimbra.

Weinberger, E. (1994). The camera people. In Lucien Taylor (org), Visualizing Theory: Selected Essays from V.A.R., 1990-1994, Routledge: Psychology Press.


Apontadores

  • Não há apontadores.


 
Sites de interesse | Sitios de interés | Sites d'intérêt | Sites of interest: